DESPERTA, TU QUE DORMES!

0

junio 22, 2012 by Bortolato

Texto:   Efésios, capítulo 5º, versículo 14:
“Pelo que diz:  Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te iluminará”.
Neste versículo da Bíblia, Paulo cita palavras quais não as encontramos , pelo menos na íntegra, no Antigo Testamento.
Paulo, educado aos pés de Gamaliel, conhecia muitos escritos judaicos, mas não era de seu feitio citar passagens de escritos apócrifos.
De onde Paulo extraiu tal texto?
Uma possibilidade é de serem palavras que Jesus teria falado, mas não foram escritas no Cânon Sagrado, portanto, palavras inspiradas, mas extra-canônicas, e por este motivo não as encontramos na Bíblia.   Os historiadores da Igreja revelam que existe um bom número de ensinos de Jesus que os apóstolos guardaram e repassaram aos seus discípulos, mas não os escreveram dentro do texto bíblico.   As palavras de Jesus, entretanto, não resta a menor dúvida de que são plenamente inspiradas por Deus.
A versão  mais aceita, porém, é que este verso prosaico que agora lemos fizesse parte de algum hino cristão.   Se observarmos o versículo 19, que está dentro do contexto, veremos que os discípulos da igreja primitiva realmente cantavam hinos de louvor a Deus.   Colossenses 3:16 o reafirma assim, e Mateus 26:30 nos revela que o próprio Senhor Jesus cantava hinos juntamente com seus discípulos.
O mais admirável, senão espantoso aos nossos olhos é a tradução desse texto que alguns pais da igreja lhe conferiram, como João Crisóstomo, de Antioquia, grande pregador do século IVº, alcunhado de “boca de ouro” e Ambrosiastro, os quais aceitaram a versão: “… e Cristo te tocará”.
Esta tradução se refere a uma crença que alguns pais da Igreja Primitiva abraçaram, de que o sepulcro de Adão se encontrava no Monte Calvário, e que devido ao toque do corpo e do sangue de Cristo, Adão foi o primeiro ser humano a ressuscitar.  Jerônimo (século 4º D.C.) também relata que ouviu alguém na igreja aplicando o texto de forma a significar: “Levanta-te, Adão, que dormes, levanta-te dentre os mortos e Cristo te tocará”.
Respeitamos a forma com que traduziram este texto, mas ainda diremos assim:
“Desperta, tu que dormes, levanta-te dentre os mortos, PORQUE Cristo te tocará!”
Reforçando esta crença, de fato houve ressurreição de mortos pela ocasião em que Jesus morreu na cruz, como lemos em Mateus 27:52-53:
“E abriram-se os sepulcros, e muitos corpos de santos que dormiam foram ressuscitados; e , saindo dos sepulcros, depois da ressurreição dele, entraram na cidade santa, e apareceram a muitos.”
DESPERTA!
O que é um despertar?   Como uma pessoa desperta de um sono?
Diríamos que um bom despertar acontece por partes, aos poucos.
Desperta, então, quer dizer:  abre os teus olhos!   A dor da morte parece cegar as pessoas de forma que não tenham sequer nenhuma esperança.  Lembram-se dos dois discípulos que estavam no  caminho de Emaús?    Eles estavam andando lado a lado com Jesus, e os seus olhos estavam como que fechados, pois nem perceberam que era o próprio Senhor que caminhava junto a eles.   Somente depois do partir do pão juntos é que O reconheceram.
Às vezes parece até que estamos caminhando como minhocas:  debaixo da terra.  Ou, se preferir, como dizem por aí, o que as avestruzes fazem com suas cabeças.  Isto porque a tristeza nos envolve e passamos a não enxergar nada mais ao nosso redor, e não conseguimos sequer erguer as cabeças, por causa de algum sentimento de dor, ou de medo, ou de perda, ou alguma outra coisa da espécie.
Mas Deus é Deus de fé , da esperança, e de realização dos impossíveis.
Deus faz coisas maravilhosas, que não podemos sequer entender.
Nos Estados Unidos da América do Norte existe uma cidade que, a cada 16/17 anos, passa por um notável acontecimento.    Uma certa espécie de cigarras insurgem de debaixo da terra, numa eclosão simultânea de milhares e milhares de larvas que ficaram enterradas, incubadas pela natureza durante todos aqueles anos.    Todas ao mesmo tempo, às centenas e milhares, vão surgindo uma a uma do chão da terra, e vão se aninhando nas árvores e arbustos, onde quer que possam se colocar para cantar.     O barulho da sinfonia que aqueles milhares de cigarras fazem ao mesmo tempo é tão grande e ensurdecedor, que grande parte dos moradores daquela cidade resolvem abandonar suas casas por 15 dias, até que haja o acasalamento dos bichos, as fêmeas põem os ovos, e logo em seguida, vem a morte daqueles insetos, quando então tudo volta ao normal.   A cidade fica, enquanto isso, literalmente entregue às cigarras.
Isto é que chamamos de depertar!    É uma acordar,   sentindo um toque de Deus, um como ouvir de Sua voz, que nos chama para a vida e para a luz, para comemorarmos com alegria, cantando alto, e que o mundo nos ouça.
Deus é Deus de despertamentos.
A morte de Jesus não foi um sonho, foi real.   A tristeza dos discípulos foi dolorida, foi realmente muito profunda.    Os 3 dias de sepultura tiveram que ser suportados, e cada discípulo o sofreu como pôde.    Mas veio o dia da ressurreição!   Este foi, sim, O grande despertar!
Quando o Espírito Santo veio, no dia de Pentecoste, foi então o toque do Senhor dos céus e da terra, trazendo á luz uma alegria indizível para os discípulos de Jesus.   Assim foi em Jerusalém, naquele dia,  e depois foi em Samaria, com a imposição de mãos dos apóstolos Pedro, e João.   E depois o foi em Cesaréia, na casa de Cornélio, e depois em Éfeso, através do apóstolo Paulo,  … e isto acontece até os dias de hoje!  É Jesus, nos enviando o Seu Espírito Santo, para nos despertar!
…DOS MORTOS!
É o que o texto diz.
Vamos esclarecer:
Existe não somente a morte física.   Existe também a  morte espiritual, e esta é pior, nos seus efeitos, do que a física.
A morte espiritual está se manifestando na maioria das pessoas deste mundo.    O mundo jaz no maligno, disse Jesus.   Isto Ele disse querendo dizer que grande parte deste mundo está debaixo da maldição da morte espiritual – e isto é um perigo, pois que a morte espiritual precede a morte eterna.
Os sintomas dessa morte espiritual estão sendo notados por toda a parte:  os frutos da carne se manifestando, e revelando aquilo que se aninhou nos corações das pessoas deste mundo:  prostituição, impureza, lascívia, ciúmes, contendas, facções, feitiçarias, idolatrias, iras, pelejas,  invejas, homicídios, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas.   O apóstolo Paulo, escrevendo Gálatas 5:21, nos diz que quem comete tais coisas não herdará o reino dos céus.
Para este estado de coisas, porém, Deus enviou Seu próprio Filho, Jesus, para apagar com Seu sangue maravilhoso toda esta série de manchas de pecado nas vidas das pessoas.
Se alguém está cometendo alguma dessas coisas, saiba então que existe um escape para essa rota que termina no inferno.    Este escape nos é dado na forma de libertação de uma escravidão.   O sangue de Jesus é tão forte que quebra correntes e abre cadeias.    Não precisamos ficar detidos nas masmorras do inimigo das nossas almas.
. . . . . . . . . .
Então V. está dizendo a si mesmo: não é comigo esta palavra, porque eu já aceitei a Jesus, já sou salvo, já não estou mais debaixo da condenação da morte…
Vamos, porém, verificar:  Há bem pouco tempo soubemos de uma artista de novelas da televisão, que disse que … “quando meu filho morreu, eu morri também”.
Há certas experiências da vida que nos levam a lamentar longamente o ocorrido.
A morte de um ser querido: de um filho, de um cônjuge, de um irmão, ou às vezes até mesmo de um amigo.
E não somente a morte de alguém muito querido.   A traição de alguém muito próximo, uma “puxada de tapete”, a falta de sensibilidade de mais alguém…  ou a falta de lealdade, ou a falta de franqueza …
A falta de realização de algum projeto por que lutamos bastante, e chegamos à conclusão de que, depois de tanto esforço, tudo ficou frustrado.
Às vezes nós ficamos extremamente estressados quando chegamos perto de um ponto de ônibus, e corremos atrás para pegá-lo, e por algum motivo, acabamos por perdê-lo.    Há pessoas que ficam pedindo para morrer por causa de um negócio desses…
V. já reparou que este sentimento é oriundo de algo que nos acontece e que nos faz muito aborrecidos?   Os nossos corações parecem que estão vivendo uma espécie de morte quanto isso acontece…  Resta um sentimento… Algo morre dentro de nós nessas coisas da vida.
Para esse tipo de morte também é que Jesus veio.   Ele veio para tocar na vida de pessoas ,e estas abriram os olhos, e tiveram um despertar para uma nova vida.
Não temos necessidade, tampouco, de ficarmos entristecidos por causa dessas coisas nos terem atingido e escravizado durante algum período de nossas vidas.    O tempo de despertar desse pesadelo de condenação já chegou.    Chegou a nossa libertação.
“Conhecereis a Verdade, e a Verdade vos libertará”
“Se pois o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres” (João 8:32 e 36).
Diria alguém:  mas como posso ser livre dos meus sentimentos de pesar?  Eu não consigo.   Não tenho forças.   Quando vejo, já estou novamente curtindo esses pensamentos, e sentindo essa morte.     Não dá para desfazer o que já está feito.    Não vejo solução…    E religião agora – isto só irá me deixar de cabeça mais quente ainda.     Já ando meio que desequilibrado, e não consigo entender os planos de Deus em tudo isso.   Sei que não posso continuar assim, mas não vejo aquela luz no final do túnel.    Aonde está Jesus agora?    Será que Ele não poderia me ajudar?    Sinto-me num beco sem saída.    Que mais posso fazer?
Você está passando por um pesadelo dentro de seu espírito.
Sabe qual será a solução?   O toque de Jesus, como aquele que Ele fez com aquela mulher que tinha um fluxo de sangue.   Se V. não sentiu ainda o Seu toque, então …Toque em Jesus.   O toque em Jesus nos cura e desperta para uma nova vida.  Vamos falar mais sobre isto.
LEVANTA-TE
Como quando despertamos de um sono (pode-se ter às vezes um pesadelo), primeiro sentimos que algo nos tocou.    Não é assim que procuramos acordar alguém que está dormindo em uma hora em que precisa estar acordado?   Uma vez tocados, então abrimos os nossos olhos.
Algumas vezes perguntamos:  onde estou?   Que dia é hoje?   Que horas são? O que estou fazendo aqui?  Às vezes perguntamos: o que está acontecendo?
Assim despertamos.
Mas se não quisermos despertar, e não queremos acordar, o que fazemos?  Viramos para o lado, e continuamos a dormir.
Para que não continuemos dormindo, é preciso que tomemos uma atitude para espantar o sono.   Esta atitude é: “Levante-se”.
Por isso é que a palavra no diz: “levanta-te dentre os mortos”.
Só se levanta quem deseja parar de dormir, porque quer voltar à vida.
Se ser tocado por Jesus depende do Senhor, o levantar depende de nossa decisão.    O Seu toque nos dá forças.
V. quer voltar à vida?   Quer realmente viver?
Levante-se na força do Senhor!
CRISTO TE TOCARÁ
Uma coisa é verdade:  não podemos ser vencedores por nós mesmos.   É  puro engano tentar agradar a Deus sem que Ele mesmo nos conceda a graça de recebermos o Seu Espírito Santo, sermos batizados por Ele, e encontrarmos a paz.
Se Você ainda não chegou a este ponto, lamentamos, e entendemos que é hora de chorar.    É hora de buscarmos a Deus com insistência, suplicando a Ele que traga a bênção do Seu perdão, alívio às nossas almas, e sabedoria para não mais cairmos num estado desses.
Não perca nenhuma oportunidade de chegar-se a Jesus em oração.    Venhamos chorando ou não, mas com humildade, de coração contrito, dispostos a nos abrirmos totalmente, sabedores de que, se Ele não nos der esta solução, ficaremos no mesmo pé, naquela situação em que nossas limitações nos bloqueiam,  e ficamos parecendo com um passarinho que não tem pés, desejosos de pousar para encontrar um descanso, e sem eira e nem beira, continuamos a voejar, de lá para cá e daqui para lá, cansados e cansados, por dentro e por fora.     Vamos continuar voejando, mas procuremos a presença de Jesus.
Perdeu algo que era importante para a sua vida?
Não sabe para onde ir?
Não sabe para onde está indo agora, neste momento?
Tenhamos certeza de uma coisa.    Jesus é o que mais precisamos para nossas almas.     Jesus é o alvo certo.     Jesus é a verdadeira vida.     Jesus é Aquele que nos dá a mão nas horas mais difíceis.   Nas mãos de Jesus podemos pousar, pois por um milagre divino, voltamos a ter pés, para podermos descansar.
Busque a Jesus.    Ele é a Única solução.    Não procure outro caminho.    Não existe nenhum outro que possa lhe dar o que Você está precisando agora e sempre.
Se Você O tiver encontrado, faça por onde mantê-Lo firmemente dentro de seu coração.
Não deixe que pequenas coisas venham a afastá-Lo de Jesus.   Não permita que parentes, nem amigos, nem sucesso, nem as oportunidades da vida, nem as tribulações se coloquem em sua vida como uma cunha do diabo para impedir que Você derrame diariamente o seu coração em amor diante do Senhor Jesus.    Ele merece o nosso máximo, e muito mais.     Devemos muito mais a Ele do que imaginamos, mas não pense em pagar o que Jesus fez por nós, porque além de loucura, isto seria impossível.    Nossa condição não tem recursos para pagar o que Jesus nos fez.
QUANDO CRISTO ME TOCARÁ?
Os evangelhos de Mateus, Marcos e Lucas nos mostram um milagre notório que Jesus operou na casa de Jairo, um dos principais da sinagoga.
Jairo pediu-lhe que fosse até sua casa, pois sua filha estava à morte.
Jesus, passando pelo meio de uma grande multidão, estava com dificuldades de se locomover, porque estava sendo até apertado, o que o obrigava a andar devagar.
No meio do caminho, uma mulher o tocou, e recebeu o milagre da cura de seu fluxo de sangue.   Jesus parou, e indagou quem foi que O tocou.    Aquela mulher, cheia de fé, então se lhe apresentou.
Logo depois disso, vieram a dizer a Jairo que sua filha já havia morrido.    Jesus, ouvindo isso, incentivou-lhe à fé, dizendo para não temer, mas somente crer.
Em lá chegando, Jesus diz, usando de seu dom do conhecimento das coisas de Deus,  que a menina não estava morta mas dormia.   Sabemos, entretanto, que , para os salvos, a morte é apenas um sono, do qual todos os que morreram em Cristo irão despertar.
Jesus então, TOMANDO A MÃO DA MENINA,, lhe disse: “TALITA CUMI”, que traduzido quer dizer: – “Menina, a ti te digo, levanta-te”.
Vamos, então, colocar em ordem a palavra que Deus nos deu no texto que nos inspirou esta mensagem:
1) Em primeiro lugar, a palavra nos diz DESPERTA, TU QUE DORMES!
2) Em segundo, nos diz:  LEVANTA-TE DOS MORTOS!
3) Por fim, diz, E CRISTO TE ILUMINARÁ!
Como despertar, se Cristo não nos tocar?   Por isso mesmo é que dizemos: – desperta! Levanta-te! PORQUE CRISTO TE TOCARÁ.
Assim como Jesus fez com a filha de Jairo, Ele faz conosco:
Ele nos diz, primeiro: DESPERTA!
Isto quer dizer:   abre os teu olhos!   Comece a ver que o sono está indo embora.
O teu sono espiritual está prestes a acabar!   Assim como a menina recebeu o toque e a ordem do despertar,  vamos ter os nossos olhos abertos.   Vamos nos desfazer de tudo o que não agrada a Deus, porque está já na hora de sermos assim abençoados.
Mas para que nosso despertar não seja apenas um ensaio, temos que nos levantar.     Assim como uma pessoa sonolenta pode receber um toque e voltar a dormir, porque deseja continuar a dormir, ela pode também desejar acordar, e voltar à vida.    Porisso a segunda ordem:  LEVANTA-TE DE ENTRE OS MORTOS.    Isto significa: comece a se movimentar, pois a vida consiste em movimento.   Esforça-te e tem mui bom ânimo, pois Jesus lhe dá o Seu toque.
E CRISTO TE ILUMINARÁ (OU: TOCARÁ) – isto quer dizer:  abre bem os teus olhos,  comece a viver novamente a vida, e V. vai sentir o toque de Jesus.  Na verdade, quando Ele nos chama, já está nos tocando, mas não temos sentido que este é o seu tocar.
V. já foi tocado? Foi iluminado por Jesus?  Então V. é um profeta de Deus.   Comece, então, a profetizar para os seus vizinhos também:   Desperta, levanta-te e Cristo te iluminará.
Invoque á memória as pessoas ou coisas que lhe prejudicaram, que lhe maltrataram no passado, ou que lhe causaram mal.   Perdoa às pessoas com todo o seu coração.   E profetiza para elas também:
Desperta, tu que dormes, levanta-te dentre os mortos e Cristo te iluminará.
Pois bem, Jesus nos chama para nós também despertarmos no dia em que as trombetas soarem.    O barulho das trombetas será muito alto, aos ouvidos de todos os salvos deste mundo, tanto os mortos como os vivos.   A hora vem, e já está bem no ponto, em que os mortos ouvirão as trombetas de Deus, e os que as ouvirem, ressuscitarão para a vida eterna.

0 comments

Sorry, comments are closed.

Comentarios recientes

    Fatos da História

    Evangelho